quinta-feira, 11 de março de 2021

Urgência



Hoje em dia há algo mais urgente do que realizar, é preciso antes, reaprender a sonhar.

Joakim Antonio

Photo by Ololade Mosod Olawale
@officialladetive

quinta-feira, 11 de fevereiro de 2021

A palavra tem poder


A palavra tem poder e nem estou falando de magia.


(ou estou e disfarço) 


Tudo dito aponta algo, feito ponta dos dedos.


(ou de faca)


Às vezes, acaricia e umedece.


(outras, corta fundo e mata)


Mas entenda, ela não tem preferências.


(ela apenas é)


Seguindo o caminho.


(de quem a soltar)


A palavra tem poder, procurando línguas onde morar.


(para ferir ou gozar)


Joakim Antonio


Photo by sahdesign in Deviantart @sahmatsui


segunda-feira, 11 de janeiro de 2021

Poesia é movimento


Poesia é o movimento da vida em direção ao impossível. Ação que alguns chamam de loucura e os poetas, de realidade. 


Joakim Antonio 


Photo: Impossible love

By SheilaMB-Photography

In Deviantart

sexta-feira, 11 de dezembro de 2020

5.

 5.


Feito letras

Chego perto 


Toco a fonte


Olhos fecham

Lábios abrem


Percorro linhas


Ando por

Dirijo para


Pontuo orações


Respiro vírgula

Ouço exclamação 


Escrevo água 


Me prendem

Em espasmos


Intensas marés


Mergulho fundo

Busco interjeições


Lambuzo-me


Afogo-me

No mar


Dela


Joakim Antonio

quarta-feira, 11 de novembro de 2020

4.

 4.


Desafio

Espaço-tempo


Feito

Beija-flor


Planto

Amor-perfeito


De

Boa-fé 


Mergulho

Cavalo-marinho


Nesse

Alto-mar


Dou

Salto-mortal


Desse

Lugar-comum


Vivo

Pré-carnavalesco


Sendo

Samba-enredo


Viro

Bem-te-vi


Quando

Bem-me-quer


Joakim Antonio

domingo, 11 de outubro de 2020

3.

 3.


Ando destemperado

Fui ensinado

Ser


Corro alucinado

Contra dedos

Apontados


Muitos perfuram


Cabeça trincada

Olhos fechados

Pés chumbados


Ṣem compasso

Prendo o andar

Circulo o ar


Respiro mundos


Me intoxicam

De choro

E riso


Me dão asas

De pedra

E pluma


Depois arrancam


Provam e reprovam

Devolvem secas

Mas vivas


Destravam correntes

Limpam a pista

Em esperança 


Me compram com o céu 


Joakim Antonio

sexta-feira, 11 de setembro de 2020

2.

 2.


Dia a dia

em folhas

brancas


placas que passam

em tinta 

neon


Caminho torto


Esqueço o rumo

ao repassar

linhas vãs


Ando a esmo

então tropeço

em ti


Aprumo o corpo


Tu me hipnotiza

olhos pesando

sobre


Tua visão muda

meu arritmado

compasso


Caminho ereto


Sinto seus dedos

nós delineados

sobre folhas


O dia desnuda-se

lábios abrem-se

palavra brota


Escrevo fruta


Joakim Antonio

terça-feira, 11 de agosto de 2020

1.

1.


Sigo meu rumo 

nada é totalmente absurdo 

ou normal 


Regras mundanas

não me aprazem

mudo o jogo


silêncio é prata

palavra é ouro


escrevo e descarto

tudo me sufoca

no final


menos você 

que nem conheço

mas me empurra


do abismo

para o céu


numa leitura


Joakim Antonio

sábado, 11 de julho de 2020

Gritos

Quebraram o silêncio em pedaços infinitos.


Impossível calar.


Joakim Antonio