segunda-feira, 16 de junho de 2014

Golpe do telefone




— Alô.
— Alô, bom dia! O senhor acaba de ganhar da Super Rádio Brasil Bacana FM uma maravilhosa TV LCD de 29 polegadas. Qual o seu nome?
— Meu nome?
— Sim! Precisamos do seu nome e endereço para entregar o prêmio!
— Olha aqui, seu vagabundo, você acha que eu sou otário? Antes era o tal do sequestro de parente por telefone, depois o cidadão tinha que comprar cartão telefônico pra ganhar prêmios inexistentes, agora vocês vêm com essa de prêmio do rádio?? Vai trabalhar, vagabundo!

...........

— Alô.
— Alô, boa tarde! O senhor acaba de ganhar da Super Rádio Brasil Bacana FM uma maravilhosa TV LCD de 29 polegadas. Qual o seu nome, meu amigo?
— Que nome o que, ô cacete, você acha que eu não vejo televisão? Vai aplicar golpe em outro, mané!

...........

— Alô.
— Alô, minha amiga felizarda, boa noite! A senhora acaba de ganhar da Super Rádio Brasil Bacana FM uma maravilhosa TV L...
(A mulher desliga repentinamente o telefone).

...........

Todos estão perplexos.  O povo estava bem informado e por isso a tática de abordagem deveria mudar. 
O radialista, por fim, desabafa com o chefe:
— Pô cara, ninguém tá acreditando mais na gente!!

Um comentário:

Vieira Calado disse...

Olhe, eu em situações dessas, desligo logo o telefone!
Saudações do outro lado mar!