sábado, 20 de dezembro de 2008

Amadeus




Amadeus era um anjo, desses conhecidos pelo nome de cúpido. Na realidade, um anjo inexperiente, mas mesmo assim, por não ter outras opções, o departamento de Relações Exteriores do Céu o convocou:
_ Amadeus, terás que descer à Terra e realizar o encontro entre duas pessoas, uma delas é essa moça – antes mesmo de mostrarem-lhe a foto, Amadeus, curioso, perguntou:
_ Quem é a moça? Como irei fazer isso?
O ministro das Relações Exteriores do Céu se exasperou com a ansiedade de Amadeus, mandou que se calasse e apenas ouvisse. Amadeus estava sentado numa cadeira-nuvem, os pés inquietos, balançando para um lado e para o outro, enquanto ouvia as orientações:
_ Ouça bem, Amadeus, o sujeito ainda é indeterminado, terás que ser criterioso. Essa moça tem se comportado muito bem, planeja formar família, encontrar alguém que realmente a ame. Você receberá duas flechas, uma deverá acertá-la e a outra acertar o homem que mais honesto e sensato lhe parecer.
Amadeus ficou todo preocupado com a incumbência. Chegou a terra e passou dias analisando pessoas. Um bebia demais e certamente a faria sofrer; outro corria no trânsito e tinha atitudes agressivas; outro, não dava importância a seus pais, certamente não seria um bom marido e um dos últimos que Amadeus observou, achou por bem não escolher, porque era baixinho e não serviria para casar com uma moça tão alta e bela... Cansado dessa procura e sabendo que uma flecha já havia sido usada, concluiu que cinqüenta por cento do serviço estava concluído. Achou melhor, sentar, descansar um pouco... Só que, para não correr o risco de perder a flecha, abraçou-se a ela. Sentou-se debaixo de uma árvore e sentiu uma brisa tão agradável que por um momento imaginou estar novamente no céu com suas nuvens frias e confortáveis. O som dos pássaros lhe soou tão agradável aos ouvidos que cochilou abraçado à flecha. A seta atingiu-lhe o peito e Amadeus morreu de amor...
E teve muitos filhos.

Um comentário:

Larissa Marques disse...

Freddie, aprendo tanto com você! Lança um olhar sobre as coisas de uma maneira que sou incapaz!
Esse escrito me tocou!
Para quem não sabe, Freddie foi o primeiro que comprou um livro meu!