sexta-feira, 25 de março de 2011

Soneto do encanto



A luz que faz cortejo no ar
O brilho presente no céu
A canção que toca sem parar
O bálsamo que encanta ao léu

O encanto cativo no jeito de ser
A paz infinda no modo de olhar
O poema mais simples de escrever
A confissão mais bela de entoar

A ternura no enlevo da flor
O afeto mais puro a se ofertar
A pintura mais simples da cor

O arroubo causado pelo mar
A força refletida no temor
A alma imersa no amar

3 comentários:

Gigigih disse...

Bom dia... como o dia pode ficar ainda melhor com um carinho na alma como esse. Obrigada por compartilhar tão pelas palavras...
Só posso retribuir em forma de energia e luz...
que seu dia e seu fim de semana sejam imensamente iluminados.
bjs,
Gigigih

hanukká disse...

*•¨* ♥¨• ♥¨* •¨ ♥* ¨•¨♥¨•* ¨♥¨*.¨♥¨.*¨. ♥¨*
Vim desejar um fim de semana de bençãos.

Filipenses, 4:6 - Não andeis ansiosos de coisa alguma; em tudo, porém, sejam conhecidas, diante de Deus, as vossas petições, pela oração e pela súplica, com ações de graças.

Deixo um abraço de paz e alegria.
*•¨* ♥¨• ♥¨* •¨ ♥* ¨•¨♥¨•* ¨♥¨*.¨♥¨.*¨. ♥¨*

Graça Carpes disse...

Um ENCANTO!
Feliz dia!
:)