segunda-feira, 6 de agosto de 2007

Tome Nota

Comprar travesseiros novos: pra perceber como a vida pode ser gostosa.
Tomar três banhos por dia: pra sentir que a natureza não mendiga suas posses.
Gritar dentro do armário: pra ouvir os ecos de nossa própria consciência.
Chorar dentro de um copo: pra não esquecer os motivos que nos emocionam.
Massagear os pés: pra perceber que somos nós mesmos que nos impulsiona para frente.
Despejar o lixo: pra levar pra fora as dores e os males da alma.
Sorrir para o gato de porcelana: pra lembrar que você é uma pessoa normal.
Ler bulas de remédio: pra descobrir como somos frágeis.
Tome nota do que você precisa fazer, mas faça apenas o que te faz melhor.

3 comentários:

Larissa Marques disse...

Uau, que eu sempre me lembre disso! Lindo! Como é lindo ser frágil...

Glauber Vieira disse...

Texto leve e interessante. Faz lembrar as coisas simples que às vezes esquecemos.

CH disse...

Sim...
Um rol de rituaizinhos valiosos dá um melhor acabamento a qualquer fragilidade.
Coisas simples...porém feitas com arte.
Abraços a vcs do Manufatura.
Carlos